Interessante

O som, o ruído, a voz: o que são

O som, o ruído, a voz: o que são


O SOM, O RUÍDO, A VOZ
O QUE SÃO E SUAS DIFERENÇAS

Através dos ouvidos, somos capazes de perceber o mundo ao nosso redor em um nível de som: sons, ruídos e vozes preenchem nosso cotidiano. Alguma vez nos perguntamos qual é a diferença deles e que impacto eles têm sobre nós? Vamos ver em detalhes.

O SOM

Quantas vezes já nos aconteceu de passar um dedo umedecido ao longo da borda de um copo de cristal e ouvir sons e sentir a vibração que ele produz no dedo.

Bem, o que naquele momento estamos ouvindo com nossos ouvidos e percebendo com nosso dedo, podemos representar desta forma:

Vemos que as vibrações sonoras produzidas são todas iguais e, juntas, geram o som que ouvimos. Na prática, o som nada mais é do que o produto de corpos que, se estimulados, originam vibrações regulares, causando um efeito agradável no ouvido humano que deleita o nosso espírito e os nossos sentidos..

O BARULHO

A diferença entre ruído e som é que as vibrações que geram um som não são regulares como no gráfico abaixo:

Os ruídos não geram em nós a mesma sensação de prazer causada por um som, mas sensações irritantes ou dificilmente suportáveis. Um ruído é algo indistinto, como tráfego na rua, unhas correndo no quadro-negro, o grito de uma pessoa, o freio estridente de uma motocicleta, uma furadeira elétrica, etc. Na prática, ruídos são ondas sonoras aleatórias, todas diferentes umas das outras, que nos causam uma sensação desagradável.

A VOZ

A voz nada mais é do que uma manifestação sonora produzida pelos órgãos vocais de um ser vivo, homem ou animal.

Cada ser vivo emite seus próprios versos, canções, sons, gritos típicos e característicos de sua espécie. Na realidade, porém, além da voz humana, as vozes emitidas pelos animais são em sua maioria muito limitadas, pois emitem sons muito simples e muitas vezes monótonos, ou seja, são sempre iguais e emitidos repetidamente. O homem, por outro lado, possui uma grande riqueza de expressões para fazer de sua voz um incrível instrumento musical. Basta pensar, por exemplo, nos infinitos dialetos que povoam a terra, cada um típico e característico com infinitas inflexões capazes de estimular as mais díspares sensações no ouvinte. Então, se o som é adicionado a uma voz, portanto uma voz cantante, então temos a expressão sonora máxima que é conhecida na terra.


Vídeo: SUB12 VOZ DE MUITAS ÁGUAS - Luciano Subirá